Ir para o conteúdo

Prefeitura Municipal de Paracatu e os cookies: Nosso site usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Ao continuar você concorda com a nossa Política de Cookies e Privacidade.
OK
Prefeitura Municipal de Paracatu
Acompanhe-nos:
Rede Social Facebook
Rede Social Instagram
Rede Social Youtube
Notícias
Enviar para um amigo!
Indique essa página para um amigo com seus dados
Obs: campos com asterisco () são obrigatórios.
Enviando indicação. Por favor, aguarde...
JUL
15
15 JUL 2022
CULTURA
9ª edição do Festival do Patrimônio potencializa cena cultural de Paracatu
enviar para um amigo
receba notícias

9ª edição do Festival do Patrimônio potencializa cena cultural de Paracatu

 
Confira o resultado final da etapa gastronômica e também do Festival Nacional de Música Brasileira
 
O 9º Festival do Patrimônio Cultural de Paracatu chegou ao fim neste domingo (10/7) deixando saudade e um gostinho de quero mais naqueles que marcaram presença.  Foram seis dias de muita música, cultura e degustação da cozinha mineira. Considerado o maior evento cultural do Noroeste de Minas Gerais, o encontro, que conta com o apoio do Sebrae Minas, reuniu mais de 40 mil pessoas no Largo do Rosário e em outros pontos da cidade, fortalecendo a efervescente cena cultural da cidade.
Entre as 50 atividades e atrações do evento, destaque para o concerto da Orquestra Ouro Preto, com a participação do cantor Diogo Nogueira, que interpretou clássicos do samba e da MPB, além do projeto Sesc Minas ao Luar, com o show da cantora sertaneja Bruna Viola. As apresentações atraíram paracatuenses e turistas ao centro histórico da cidade.
Para o presidente da Agência de Desenvolvimento Sustentável de Paracatu (Adesp), Leonardo Barros, a edição deste ano superou todas as expectativas. “Depois de dois anos sem a realização do evento presencial, tivemos um Festival com muitas atrações e engajamento do público, que prestigiou a nossa cultura”, destaca.
Nas noites de sexta-feira (8/7) e sábado (9/7), as atenções se voltaram para o 17º Festival Nacional de Música Brasileira, com a apresentação de 18 canções compostas por artistas de dez estados do país. Com R$ 25 mil em prêmios, o concurso musical teve cerca de 200 músicas inscritas. O grande vencedor desta edição foi o mineiro de Montes Claros Ronaldo Tobias, com ‘O Vendedor de Pipas’. Ele faturou os prêmios de melhor música e também o de melhor intérprete. (Veja a classificação final abaixo)
Gastronomia
Com a participação de 21 restaurantes e similares, os vencedores da Cozinha Mineira Paracatuense - etapa gastronômica do 9º Festival Cultural -, também foram divulgados na noite de sábado. Bella Carne, Pizzaria Bela Massa e Hamburgueria do Sherife levaram os principais prêmios. Ao todo foram distribuídos R$ 40 mil em premiação. (Confira todos os ganhadores abaixo).
Na avaliação da analista do Sebrae Minas Patrícia Rezende, além de potencializar a diversidade cultural da cidade, o evento conseguiu valorizar o trabalho desenvolvido pelas empresas participantes. “O Festival Cultural pode ser comparado a um grande guarda-chuva que abraça todo o patrimônio material e imaterial do município, e embala como um produto turístico. Estamos muito satisfeitos com o resultado do evento”.
O secretário municipal de Cultura e Turismo, Igor Diniz, agradece o apoio e a confiança dos parceiros, e reforça a expectativa para 2023. “O festival consolida o potencial histórico, gastronômico e cultural de Paracatu na região. Já estamos planejando um evento ainda maior no próximo ano, visto que é um atrativo turístico gerador de emprego e renda para o nosso povo”.
O Festival do Patrimônio Cultural de Paracatu é organizado pela Agência de Desenvolvimento Sustentável de Paracatu (Adesp), Prefeitura de Paracatu e Sebrae Minas, e conta com o patrocínio da Kinross, Nexa, Sicoob Credigerais, Campo, Unimed, Unicred, Coopervap, Bayer, e diversos outros parceiros locais.

17º FESTIVAL NACIONAL DE MÚSICA BRASILEIRA
1 – O Vendedor de pipas - Ronaldo Tobias (Montes Claros-MG)
2 - Sertão Só - Einsten Solles (Paracatu-MG)
3 - Luar Acot - Max Nascimento (Belo Horizonte-MG)
4 - Cê num tá só - Felipe Casimiro e Jessica Stafanis (Londrina-PR)
5 - A mais perfeito das artes - Zebeto Corrêa (Taquaraçu de Minas-MG)
6 - Fonte do Ser – Mauritu (Paracatu-MG)
Melhor Letra: Lastro – Geslaney Oliveira (Vitória da Conquista-BA)
Melhor Intérprete: Vendedor de pipas - Ronaldo Tobias (Montes Claros-MG)
Melhor Música pelo Público: Sertão Só - Einsten Solles (Paracatu-MG)

COZINHA MINEIRA PARACATUENSE
Categoria restaurantes
Melhor Prato:
1- Bella Carne
2 - Araguaia
3 - Carlinhos
Melhor Atendimento:
1 - Bella Carne
2 - Araguaia
3 - Carlinhos
4 - Minas Tchê
Categoria Similares
Melhor Prato
1 - Pizzaria Bela Massa
2 - Hambúrgueria do Sherife
3 - Armazém do Hambúrguer
Melhor Atendimento
1 - Hambúrgueria do Sherife
2 - Nativus
3 - Ponto do Açaí Hamburgueria e Creperia
4 - Alfredo Burguer
 
Assessoria de Imprensa | Prefácio Comunicação
Texto feito por Henrique Ulhôa e Flávia Ferraz.
 
Seta
Versão do Sistema: 3.2.10 - 11/01/2023
Copyright Instar - 2006-2023. Todos os direitos reservados - Instar Tecnologia Instar Tecnologia